1. Home
  2. HLP045 – NF-e – Rejeição – 932 Informada modalidade de determinação da BC da ST como MVA e não informado o campo pMVAST (nItem: nnn)

HLP045 – NF-e – Rejeição – 932 Informada modalidade de determinação da BC da ST como MVA e não informado o campo pMVAST (nItem: nnn)

O que fazer quando, ao tentar enviar a NF-e, aparecer a seguinte rejeição: 932 – Rejeição: Informada modalidade de determinação da BC da ST como MVA e não informado o campo pMVAST (nItem: nnn). ?

Essa rejeição ocorre, pois a tag <modBCST> (modalidade de determinação da BC da ST) foi preenchida com a opção 4-Margem Valor Agregado (%) e não informado o percentual da margem de valor agregado na tag <pMVAST>.

 

O primeiro passo é verificar qual a modalidade de determinação da base de cálculo do ICMS-ST da operação. Estão previstas as seguintes modalidades:

0=Preço tabelado ou máximo sugerido;

1=Lista Negativa (valor);

2=Lista Positiva (valor);

3=Lista Neutra (valor);

4=Margem Valor Agregado (%);

5=Pauta (valor);

6=Valor da Operação (apenas para CST 10 ou 30).

 

Se a modalidade da base de cálculo da operação for diferente de 4-MVA, as configurações para a geração da tag <modBCST> devem ser revistas de acordo com a FAQ: NF-e – Orientações – Configuração do Parâmetro de Imposto (T1) Modalidade Base de Cálculo.

 

Caso contrário, ou seja, se a modalidade for 4-MVA o código de imposto utilizado na operação deve ser verificado, pois o campo Margem de Lucro das configurações do imposto deve estar preenchido. Para isso, o atributo Margem de Lucro (U_Lucro) deve ser selecionado na configuração do Parâmetro do Imposto:

 

cid:image002.png@01D56E1A.1BDA6400

 

Em seguida, no código de imposto, o percentual da Margem de Valor Agregado deve ser preenchido em Margem de Lucro:

 

Updated on 5 de outubro de 2020

Essa instrução foi útil?

Top
MODAL 01