14|05|2024

Relatório Focus: projeções de Inflação, PIB e Selic para 2024

Segundo Relatório Focus, IPCA para 2024 sobe para 3,76%; Selic experimenta nova alta, alcançando 9,75%. Projeções para 2026 e 2027 também em ascensão.

As estimativas dos analistas para a inflação de 2024, bem como para o crescimento do PIB e a taxa básica de juros (Selic), tiveram aumento nesta semana, de acordo com os dados divulgados no Relatório Focus do Banco Central nesta segunda-feira (6).

Inflação:

A estimativa do IPCA para este ano aumentou de 3,72% para 3,76%, enquanto a previsão para 2025 avançou para 3,66%. No entanto, a projeção para 2026 permaneceu em 3,50%, mantendo-se estável ao longo dos últimos 45 boletins Focus. A mesma taxa de variação é esperada para a inflação de 2027.

PIB:

Já para o Produto Interno Bruto (PIB) de 2024, a mediana das projeções subiu para 2,09%, comparado aos 2,05% anteriores. A previsão para 2025 permaneceu em 2,0% pela 22ª semana consecutiva, e para 2026 manteve-se em 2,0% por 40 semanas. Além disso, a estimativa também se manteve em 2,0% para 2027, por 42 semanas consecutivas.

Selic:

Segundo o Relatório Focus, a projeção para a taxa básica de juros (Selic) deste ano teve uma nova alta, atingindo 9,75%, em comparação aos 9,63% anteriores. A previsão para 2025 permaneceu em 9,0%. Já para 2026, houve um aumento de 8,75% para 9,0%. Em suma, a taxa esperada para 2027 subiu de 8,50% para 8,63%, após 39 semanas em estabilidade.

Câmbio:

As projeções para o dólar mantiveram-se estáveis em todo o horizonte da pesquisa: R$ 5,00 em 2024, R$ 5,05 em 2025 e R$ 5,10 em 2026. Para 2027, a previsão também permaneceu em R$ 5,10.

Resultado Primário:

A projeção para o resultado primário em 2024 melhorou, passando de um déficit de -0,67% do PIB para -0,64% do PIB. Para 2025, a estimativa baixou de -0,68% para -0,60% do PIB. A estimativa para 2026 permaneceu em -0,50% do PIB. Contudo, para 2027, houve uma leve melhoria, passando de um déficit de -0,23% para -0,20% do PIB.

Dívida Pública:

Para a dívida líquida do setor público, a projeção para 2024 aumentou para 63,90% do PIB, enquanto permaneceu em 66,50% do PIB para 2025. Para 2026, houve uma queda de 68,40% para 68,00% do PIB. A projeção para 2027 permaneceu em 69,90% do PIB.

Balança Comercial:

As projeções para a balança comercial brasileira melhoraram em toda a pesquisa. Para 2024, avançou de US$ 79,75 bilhões para US$ 80 bilhões. O saldo positivo para 2025 subiu de US$ 76 bilhões para US$ 76,15 bilhões. Para 2026, a projeção avançou de US$ 77,50 bilhões para US$ 78 bilhões, e para 2027, de US$ 75 bilhões para US$ 76 bilhões.


Compartilhe nas redes
Deixe seu comentário

2 × três =