Como os novos modelos de trabalho impactam a gestão de pessoas?

Dentro do cenário sanitário caótico por qual passamos na pandemia, permeado por muitas incertezas, as empresas passaram por muitos percalços. O período representou um verdadeiro divisor de águas na gestão das empresas e, sem dúvidas, uma das áreas mais afetadas foi a de gestão de pessoas.

A área se viu obrigada a mudar o modelo de trabalho do presencial para o remoto praticamente do dia para a noite para atender necessidades da empresa, ao mesmo tempo que cuidava da saúde dos colaboradores. No entanto, mesmo depois de passarmos pelo período crítico da pandemia, algumas empresas continuaram com o modelo híbrido ou home-office, necessitando adaptar ainda mais seus processos.

O home-office veio para ficar?

Portanto, que era para ser uma mudança temporária, acabou se tornando um modelo definitivo em muitas empresas. Os benefícios do home-office foram notados e muitos colaboradores passaram a preferir esse modelo de trabalho, de acordo com a pesquisa “Modelos de trabalho pós-pandemia”, realizada pela empresa de consultoria e auditoria PwC Brasil em parceria com a PageGroup, que mostra que 67% dos colaboradores preferem o regime integral de home-office ou o modelo híbrido, com, no máximo, uma ou duas visitas ao escritório por semana.

Quais desafios a gestão de pessoas enfrenta nesse novo cenário?

Diante desses novos modelos de trabalho, novos desafios aparecem na área de gestão de pessoas, que passa por uma verdadeira revolução, principalmente no que tange a adoção de novas tecnologias. As empresas, diante desse cenário, precisaram adotar novos softwares, capazes de garantir a produtividade do trabalho e, ainda, minimizar os riscos trabalhistas.

No entanto, segundo estimativas da própria Justiça do Trabalho, o volume de ações disparou logo nos primeiros meses da pandemia. Só entre janeiro e junho de 2021, o número de processos foi 30% maior que no mesmo período de 2020. A principal queixa foi o aumento na geração de horas extras, já que, de casa, os colaboradores passaram a trabalhar mais. Por isso, as empresas que não adotaram tecnologias para fazer esses controles tiveram sérios prejuízos com indenizações.

O que uma ferramenta ideal possui para facilitar a solução desses desafios?

Gerenciar os colaboradores em diferentes ambientes simultaneamente requer muita empatia por parte da equipe de gestão de pessoas, visando mantê-los sempre motivados e engajados, sem perder o foco nas necessidades da empresa e nas aspirações profissionais de cada um. E, desde então, esse tem sido um dos maiores desafios da área.

Além disso, os processos de onboarding, que tratam da recepção, treinamento e adaptação de um novo profissional, também precisaram passar pela adaptação ao formato remoto. Assim, as funções acumularam e ferramentas que não só entreguem todas as rotinas do cotidiano, como também a garantia da legalidade das responsabilidades da empresa para com o colaborador atingiram muita procura.

De forma geral, a área precisou recorrer a sistemas que facilitem as rotinas e reduzam o tempo de processamentos e conferências, podendo ser acessados de qualquer lugar, por meio de um provedor cloud, e sempre dentro dos parâmetros de segurança da LGPD – Lei Geral de Proteção de Dados. Afinal, acessibilidade e segurança são indissociáveis.

Já que a distância não reduz a responsabilidade de garantir um ambiente de trabalho produtivo e seguro, cabe a cada empresa buscar ferramentas adequadas, sendo capaz de considerar suas demandas específicas e mudanças constantes do mercado. Dessa forma, é possível concluir que só com o apoio da tecnologia é possível fazer uma gestão eficiente de pessoas, com foco em resultados assertivos tanto para a empresa quanto para os seus colaboradores.

E onde encontrar essa ferramenta ideal?

A boa notícia é que você já encontrou! O Grupo Skill, empresa de inteligência e tecnologia fiscal, contábil e trabalhista presente há mais de quatro décadas no mercado, desenvolveu uma solução ideal para a área de gestão de pessoa: o Be-ID.

O intuito da ferramenta é melhorar as práticas de gestão, processamentos e rotinas de trabalho. O sistema prevê a facilidade na sua operação, contribuindo para a redução de erros comuns nas operações manuais. A ferramenta também possui as funcionalidades de apoio para conferência e validação necessárias para a liberação de processos.

A solução ainda conta com controle de FGTS dos colaboradores, além de uma visão gerencial de todas as rotinas que devem ser executadas pelos operadores, garantindo uma entrega assertiva e completa dos registros.

O Be-ID possui capacidade de atender empresas de todos os portes e segmentos, já que possui tecnologia embarcada para seguir regras governamentais e sindicais, atendendo as especificidades de cada companhia. A solução ainda pode ser integrada ao SAP Business One, sistema de gestão para empresas em crescimento da multinacional alemã.

 

Como implantar o Be-ID na minha empresa?

O processo de implementação do Be-ID é eficaz e ágil. Para isso, é desempenhado um trabalho de consultoria juntamente ao cliente, abordando os principais pontos para compreender os fluxos de trabalho e apresentar o cronograma de cada etapa do projeto. Cada passo é seguido de forma minuciosa para garantir a entrega de forma efetiva, dentro do prazo estabelecido.

Para saber mais, entre em contato com um especialista do Grupo Skill e agende uma demonstração da solução que pode revolucionar sua gestão de pessoas!

 

Sobre o Grupo Skill:

https://gruposkill.com.br/

Desde 1979, o Grupo Skill tem a missão de fornecer aos seus clientes o mais alto nível de excelência na prestação de serviços. Com ética, profissionalismo e precisão, a empresa planeja e desenvolve soluções para gerar o valor que as empresas precisam. Seus escritórios, localizados em São Paulo e Goiânia, são preparados para dar todo o suporte necessário para a equipe de profissionais que atua em todas as regiões do Brasil!


Compartilhe nas redes
Deixe seu comentário

quatro × três =